O que dizem e querem as vozes da rua?

voz-protesto

Este texto foi escrito para a coluna Motivação & Fé, de Jean Souza, e me propus a analisar o clamor das ruas. Recentemente, o Brasil teve suas ruas tomadas por dezenas e centenas de milhares de manifestantes. O que essas vozes diziam? O que essas vozes queriam?

Basicamente, três coisas:

1. Fim da Corrupção: infelizmente, a corrupção pode ser minimizada, mas não extinta. Todavia, tendo em vista o alto grau de corrupção que vemos no Brasil, qualquer diminuição já será de grande valia. Todavia, precisamos olhar para nosso próprio umbigo quando pedirmos o fim da corrupção, sabe por quê? Porque gatonet e gatolet (roubo de TV por assinatura e de rede elétrica, respectivamente), também é corrupção. Dar propina a policial para que ele não lhe multe: corrupção também. Voltar velocímetro do carro, também. Receber troco a mais, idem. Vender voto na eleição? Corrupção da braba! Quer ajudar a acabar com a corrupção? Ser honesto já é um bom começo, principalmente para dar peso a suas reivindicações.

2. Fim da Impunidade: infelizmente, não basta sermos honestos, você e eu, para dar um basta na corrupção. Tem muita gente no Brasil que não quer ser honesta e, para estes, campanha no facebook ou cartaz na rua não tem qualquer efeito. O que serve no caso desses? Cadeia. Xadrez. Xilindró. Cana. Ver o sol nascer quadrado. O Brasil precisa, urgentemente, botar atrás das grades conhecidos gatunos que minam o país há anos. Posso citar, de cabeça e sem esforço: Maluf, procurado pela Interpol em todo o mundo, mas que pode ser encontrado, de terça a quinta, no Congresso Nacional, trocando figurinhas com José Genoíno e João Paulo Cunha, entre outras figuras ilustres. Enquanto o Brasil tolerar esse tipo de coisa, nunca avançaremos no combate à corrupção.

3. Fim da Manipulação: a mídia brasileira, noves fora algumas honrosas exceções, é um penico cheio de estrume. Manipula sem dó nem piedade a opinião pública, de acordo com seus interesses escusos. Por que você acha que só no Brasil programas como Big Brother, A Fazenda e Penico da TV prosperam? Porque alienam e emburrecem a população, prejudicam a formação do caráter e fazem com que a sociedade se acomode à margem de discussões e decisões importantes para o futuro do país.

Sugestões para melhorarmos nosso país:

  • primeiramente, seja honesto e não aceite que alguém queira lhe corromper.
  • Segundamente, cobre a prisão dos bandidos, a começar dos mensaleiros Genoíno e Paulo Cunha, além da cassação de Maluf.
  • E, finalmente, não assista os ditos programas citados acima e boicote as empresas que fazem anúncios de seus produtos e serviços nesses programas. Com certeza, em poucos anos, teremos um país melhor.

Se as pessoas quiserem ouvir o que dizem as vozes das ruas, e se essas vozes falarem coisas de acordo com a realidade que precisa ser observada, analisada e posta em prática, o Brasil será um lugar melhor. Entretanto, é preciso saber que, nem sempre, a voz do povo, a voz das ruas, é a voz de Deus. A verdadeira voz de Deus é a que fala nas páginas da Bíblia Sagrada. Essa é a verdadeira voz que devemos estar sempre prontos para ouvir e obedecer.

Até à próxima, e que Deus abençoe o nosso Brasil.

 

Que tal receber um aviso quando sair algo novo e interessante no blog?

Cadastre seu email e receba artigos que vão abençoar seu dia!