telling-secret

Jetro, me conta: qual foi seu segredo para ser aprovado no TCU?

“Senhor, tem misericórdia de nós, por ti temos esperado; sê tu o nosso braço cada manhã, como também a nossa salvação no tempo da tribulação. (Isaías 33:2)”

Olá! Eu me chamo Jetro Coutinho e fui convidado pelo Wallace para conversar um pouco com os leitores do blog. Recentemente, em 2013, fui aprovado no concurso público para Auditor Federal de Controle Externo do Tribunal de Contas da União (AUFC-TCU). Entre uma reunião e outra, um encontro foi marcado pela minha chefe lá no BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento). Ao chegar por lá, o Wallace se apresentou a mim! Foi uma alegria tremenda encontrá-lo! Eu acompanho o blog há muito tempo, desde quando ainda estudava para concursos públicos. Foi uma alegria indizível encontrá-lo por lá.

Como tanto eu quanto o Wallace não acreditamos em coincidência, e sim em “cristocidência” (como ele bem definiu), nós começamos a compartilhar experiências a partir dali. Particularmente, eu queria mais ouvir do que falar. Senti em meu coração uma vontade enorme de convidá-lo a estar comigo no culto de ação de graças e tive a honra de ouvi-lo pregar lá na minha igreja.

Dentre vários assuntos que o blog Desafiando Limites e Vencendo Barreiras aborda, um é bem corriqueiro nas conversas das pessoas: o concurso público. Sabemos que muitas pessoas querem ir atrás do sonho de ser servidor. A concorrência está cada vez mais absurda e as provas cada vez mais difíceis!! Frequentemente, eu me pegava pensando: “Como um ser tão pequeno quanto eu pode passar num concurso para exercer um cargo tão importante quanto o cargo ao qual eu estou concorrendo?”

Lemos vários depoimentos de pessoas que já foram aprovadas e todas elas dizem que estudaram muito. Aí, começamos a estudar cada vez mais. O tempo passa, passa, passa e não conseguimos ainda nenhuma aprovação. A cada nova oportunidade perdida, a ansiedade aumenta. Às vezes, vem aquela vontade de largar tudo, ou, como os mais cabeças-duras como eu, estudar ainda mais. Vem mais um edital e mais uma derrota. “Como que eu vou passar no concurso que eu quero e se nem nesse aqui eu não consegui ser aprovado?”

Somam-se a isso a expectativa dos familiares, dos amigos e a nossa própria. É muito difícil não ter a fé abalada.

Durante a minha caminhada como concurseiro, eu experimentei diversos momentos assim. Em um determinado dia, eu estava no meu trabalho anterior e, preocupado com o que teria que estudar, resolvi dar uma pausa. Já estava esgotado. Quem estuda e trabalha sabe que trabalhamos pensando nos estudos, quais os exercícios erramos, quais os pontos mais importantes das matérias, essas coisas. Eu trabalhava pensando no que ainda tinha que estudar. E estava ansioso. Foi aí que decidi entrar no blog do Wallace. Navegando pra lá e pra cá, um texto me chamou atenção: “Lições à beira do tanque de Betesda“.

Nossa, que texto lindo! E acima de tudo, que conforto para o meu coração! Sabe, “nenhuma dádiva vem ao homem se do céu não lhe for dada” (João 3:27). E é por isso que resolvi começar com o texto de Isaías 33:2. Como já comentamos, não acredito em coincidência, mas sei que Deus é soberano e tem debaixo de suas mãos o controle de tudo. Glória a Deus pela vida do Wallace! O Senhor permitiu que ele me abençoasse naquele dia.

Deus, em sua soberania, me trouxe a solução para o meu dilema por meio das lições à beira do tanque de Betesda.  O Senhor aquietou o meu coração, e me fez entender que tudo o que eu podia estar fazendo, eu estava. Como dizia o texto do blog, eu estava no lugar certo, estava esperando na pessoa certa, mas estava esquecendo que não era o meu tempo que devia ser seguido, mas sim o tempo certo. O tempo DELE! Esperar NELE! Não é pelo nosso muito estudo que seremos aprovados mas, sim, pela misericórdia do Senhor e no tempo do Senhor!

“E a paz de Deus, que excede todo entendimento…” Como é bom descansar no Senhor! Como é bom saber que esperamos nele! Como é bom saber que é o braço DEle que nos sustenta a cada manhã e que DEle vem a salvação! Irmãos, nos dediquemos, trabalhemos, nos esforcemos! Mas saibamos que a vitória não é nossa: Ela vem do Senhor!

Que o Senhor nosso Deus, nos abençoe!

Breve biografia:

Meu nome é Jetro Coutinho, sou formado em Administração pela UnB. Atualmente, exerço o cargo de Auditor Federal de Controle Externo do TCU. Anteriormente, trabalhava no Banco Central do Brasil. Tenho 23 anos e uma namorada linda, que está comigo há mais ou menos 5 anos e meio (tempão, né? Pretendemos casar ano que vem). Sou membro da Igreja Batista Monte Hermom, que fica em Taguatinga – DF. Durante minha caminhada concursística, obtive o apoio incondicional de meus pais e de minha irmã, que sempre estiveram ao meu lado, me apoiando nos momentos difíceis.

Quero agradecer ao Jetro a gentileza e generosidade em abençoar meus leitores com este breve artigo contando um pouco de sua trajetória no mundo dos concursos. Para quem quiser saber mais sobre suas aprovações, o link do Fórum Concurseiros remete ao seu depoimento completo, com várias dicas muito boas para quem está estudando.

É muito gratificante quando nós somos abençoados com relatos assim. Parabéns, Jetro, Deus o abençoe ricamente, amado. Lembranças aos jovens da igreja, seus pais e muito sucesso, em nome de Jesus!

E a você, meu caro leitor, que este relato também possa servir de inspiração para sua vida e trajetória.

 

Que tal receber um aviso quando sair algo novo e interessante no blog?

Cadastre seu email e receba artigos que vão abençoar seu dia!