As coisas que mais importam na vida do líder cristão para que ele alcance o sucesso

pessoa-responsavel

Vendo a coragem de Pedro e de João, e percebendo que eram homens comuns e sem instrução, ficaram admirados e reconheceram que eles haviam estado com Jesus. Atos 4:13 (grifos acrescidos)

As coisas que mais importam na vida do líder cristão para que ele alcance o sucesso

(Spolier: você só precisa fazer duas coisas e estar ciente de uma para conquistar o sucesso!)

Hoje em dia ser um líder cristão realmente interessado e comprometido com a obra de Deus e com o crescimento de seus liderados não está fácil. Aliás, eu diria que está cada vez mais difícil!

Então, para ajudar aqueles que se sentem meio perdidos e que estão precisando de um norte, aqui vão algumas pequenas mas extremamente úteis dicas para que seu ministério cresça e se torne impactante na vida dos outros.

Eis as coisas que realmente causam impacto nas pessoas:

Coragem.

Ao contrário do que muitos pensam, coragem não é ausência de medo. Isso – ausência de medo – se conhece por doença, no caso uma psicopatia. Quem não tem medo é um psicopata, que não tem medo de fazer nada, inclusive aquilo que ameaça a integridade física própria e de quem o cerca.

Não, coragem é muito diferente disso. Mesmo o corajoso sente medo! Mas, o que o difere dos demais é que ele tem o medo sob controle e ousa enfrentar a situação adversa mesmo com medo, mesmo sem saber se sairá vencedor da peleja. Ele enfrenta, ele segue em frente, ele abraça o desafio e age.

Isso realmente faz diferença na vida das pessoas, deixa uma marca permanente e causa um impacto profundo.

Que tal receber um aviso quando sair algo novo e interessante no blog?

Cadastre seu email e receba artigos que vão abençoar seu dia!

Você, líder cristão, tem coragem para assumir a responsabilidade dos desafios que lhe estão postos e encará-los com bravura e ousadia?

Aqui tem um post que vai ajudar você a entender a importância de ser corajoso, bravo e ousado:

Ousadia e coragem – por que você precisa ter para ser um vencedor

Estar na presença de Jesus.

Não sei se você prestou atenção nos parágrafos anteriores, mas eu apenas descrevi o que vem a ser coragem, e porque você deve cultivá-la em sua vida. Mas, em momento algum eu disse como você CONSEGUE a coragem necessária para enfrentar os grandes desafios que se apresentam diante de você!

Essa coragem tão necessária, não somente hoje como em toda a história da humanidade, é conseguida de algumas formas, e entre elas eu posso citar: a forma de lidar com as experiências passadas, o enfrentamento dos próprios e angustiantes medos, sair do comodismo e começar a agir mesmo diante da incerteza. Todas essas ações e atitudes servem como fomentadores e combustíveis para fazer surgir e elevar sua bravura e coragem.

Mas, existe uma outra forma de você obter coragem, bem diferente das que eu citei acima, e é bem mais simples, embora não seja fácil de cultivar. É estar na presença de Jesus. Quem passa tempo na presença de Jesus consegue ficar na presença de qualquer um, mesmo a mais intimidante pessoa que possa existir na face da Terra.

Faço menção agora a três exemplos relatados nas Escrituras sobre pessoas de coragem e bravura tais que ainda hoje nos servem de inspiração. E eles conseguiram isso simplesmente porque cultivavam o hábito de estarem na presença divina. É fato, quem se ajoelha diante da presença de Deus não se dobra para homem ou criatura alguma na face da terra!

Vou citar primeiro Davi, o homem segundo o coração de Deus que, bem antes de ficar – e continuar – de pé diante do gigante, Golias, já havia enfrentado com bravura e coragem o leão e o urso (confira no Livro de 1 Samuel 16 e 17).

Quem esteve na presença do Senhor pode encarar o gigante sem medo. Qual é o gigante que lhe perturba e ameaça? Antes de sair para enfrentá-lo, passe um tempo na presença do Senhor e você verá que ele vai parecer muito menor do que você achava que era.

Agora posso citar os três jovens amigos de Daniel, Mesaque, Sadraque e Abedenego (seus nomes babilônicos, confira no livro de Daniel), que não se dobraram diante do rei Nabucodonossor porque já haviam estado antes na presença de Deus.

Não foram as ameaças do rei, as fofocas dos colegas de trabalho e nem a presença da fornalha de fogo ardente capazes de diminuir a coragem daqueles jovens, porque eles estavam cheios da confiança que só se obtém quando se está na presença do Senhor!

Havia um fogo interior consumindo aqueles jovens que esfriou os ânimos do rei Nabucodonossor e de seus puxa-sacos, e também da própria fornalha: era o fogo da presença maravilhosa de Jesus ao lado deles!

E, por fim, cito Mardoqueu, um homem que ousou ficar de pé diante de Hamã (confira no livro de Ester), que não se dobrou diante daquele que pensava que era muita coisa mas, na verdade, não era ninguém. Quem já esteve na presença de Deus não se intimida com ameaças de homens, sejam eles quem forem ou ocupem a posição que ocuparem!

Mardoqueu sabia que não se dobrar diante de Hamã poderia representar uma grave ameaça para sua carreira profissional. Mais: poderia representar um perigo para sua integridade física também. Mas, Mardoqueu enfrentou Hamã por que não tinha medo? Não, ele enfrentou Hamã porque tinha algo maior que o medo, a confiança na proteção divina!

Quando se está desfrutando da presença de Deus, tudo o mais se torna secundário: o medo, a ambição, o sucesso, o poder e até mesmo a ansiedade em relação ao futuro!

Você, líder cristão, que se encontra desanimado, abatido ou angustiado por causa dos grandes desafios que está enfrentando ou das situações e pessoas que estão tentando sufocar você e seu ministério, siga o exemplo de Pedro e João: eles enfrentaram – e impactaram – o sumo sacerdote, os guardas, os demais sacerdotes e toda a audiência de uma forma impressionante!

Veja bem, eles não tinha alto grau de escolaridade, títulos ou diplomas chamativos, não eram pessoas extraordinárias, muito pelo contrário, eram pessoas comuns.

E sabia que é justamente isso que impacta os outros? É ver pessoas comuns realizarem feitos extraordinários! E para conseguir isso você, líder cristão, só precisa dessas duas coisas: ter estado na presença de Jesus e estar cheio de coragem e ousadia para enfrentar os desafios!

Nunca esqueça disso, porque sem isso você jamais terá sucesso!

E finalizo chamando sua atenção para algo que o texto de Atos 4.13 não diz, porque na verdade está dito no verso 8:

“Então, Pedro, cheio do Espírito Santo…”

O segredo real para ser corajoso e ousado, capaz de realizar feitos extraordinários, para obter sucesso como líder cristão é bem simples: você precisa ser cheio do Espírito Santo. E como se consegue isso? Só na presença de Jesus, porque só Ele é quem pode nos encher do seu Espírito.

Quer ser cheio do Espírito?

Então corra! Vá logo, rápido, para os pés de Jesus! É só lá que nós podemos encontrar o poder necessário para nos levar a outro patamar de liderança, realizarmos o que Deus nos confiou e atingirmos o sucesso como um líder cristão que agrada a Deus!

——————————————

Olá, gostou do post? Poderia, então, avaliar e compartilhar com seus amigos? Basta curtir, clicar no +1, tuitar, enviar para seus amigos do WhatsApp, etc. E, claro, deixar um comentário dizendo o que achou.

Deus abençoe sua vida! Nosso prazer é saber que fomos usados por Deus para abençoar você.  :)

 

Que tal receber um aviso quando sair algo novo e interessante no blog?

Cadastre seu email e receba artigos que vão abençoar seu dia!

Wallace

Just another little servant of the Lord Jesus Christ. Apenas mais um pequeno servo do Senhor Jesus Cristo. Editor do blog Desafiando Limites (http://wallysou.com). Crítico do cristianismo evangélico da prosperidade e pensador cristão amador.

Website: http://wallysou.com/

Faça seu comentário e enriqueça o post!

Olá, agradecemos sua visita e seu comentário. Sua opinião enriquece a discussão e é importante para nós, obrigado!