semeando bênção

semeando um círculo virtuoso

“E falou o SENHOR a Moisés, dizendo:

Envia homens que espiem a terra de Canaã” (Números 13:1,2)

Aprender um idioma é um processo extremamente orgânico, ou seja vai muito além de estudos em sala de aula. Não devemos tentar aprender uma língua e sim viver a cultura.

Sabemos que há um envolvimento profundo entre linguagem e cultura, na verdade idiomas são uma forma de expressar toda a cultura de um povo.

Uma descoberta recente mostra que quem estuda a cultura antes do idioma possui muito mais ferramentas para chegar a fluência, tal descoberta só mostrou o que muitos de nós que trabalha nessa área já sabemos bem.

Como professor gostaria de te aconselhar a estudar e até mesmo viajar para o país que fala a língua que você pretende aprender. Abraçar a cultura é uma forma de viver esse processo orgânico. Quando se aprende a cultura é muito mais fácil entender como o idioma funciona além de compreender de forma profunda diversas expressões.

Ao visitar o país você terá a certeza se quer realmente aprender o idioma escolhido pois para você se tornar fluente é necessário passar horas tendo acesso a um material que é daquele país, em outras palavras muito tempo será investido em livros, filmes e em outras coisas que serão de lá e se você se apaixonar pela cultura conseguirá consumir muito material no conteúdo estudado fazendo com que todo esse longo processo torne-se incrivelmente prazeroso.

Aprender um idioma requer adquirir novos hábitos e criar novos gostos. O estudo de idiomas é complexo pois o mesmo vai afetar até mesmo a sua personalidade e a forma que você pensa, na verdade isso significa tornar-se uma outra pessoa.

 

Que tal receber um aviso quando sair algo novo e interessante no blog?

Cadastre seu email e receba artigos que vão abençoar seu dia!