dreams-conquest

“Não pode a árvore boa dar maus frutos; nem a árvore má dar bons frutos” (Mateus 7.18)

Existem centenas de métodos para aprender um idioma. A cada ano surge alguma nova teoria tentando derrubar formas antigas e prometendo ser mais rápida e eficaz. É possível aprender de diferentes formas sim e isso é o que geralmente acontece.

Certa vez fui questionado sobre o que faz com que tantas pessoas fracassem na tentativa de aprender algum idioma. Devo confessar que todas as respostas que tinha não conseguiam explicar, não eram capazes de deixar nítido o problema, não tocavam no ponto central.

Após conversar com outros professores descobri que por melhores que eram as respostas as mesmas eram incapazes de revelar o problema e apontar o caminho para a solução. Na verdade nossas repostas mostravam apenas o fruto e não a raiz.

Após passar muito tempo analisando e estudando o problema consegui chegar a conclusão mais próxima da verdade. O que falta para os estudantes é a chamada experiência.

É isso mesmo: EXPERIÊNCIA.

Vamos entender o que é isso?

Na área de idiomas chama-se de experiência a capacidade de adaptar e aplicar métodos de acordo com necessidades específicas. De forma simplificada nós podemos entender que experiência é a habilidade de prever problemas e gerar resultados.

O problema é que quando falamos de idiomas o processo é totalmente invertido. É necessário adquirir experiência primeiro para depois aprender. É engraçado pensar que na vida a experiência é adquirida depois e não antes.

Por isso o meu objetivo com o texto de hoje é fazer com que você comece a adquirir a tal experiência.

Seja qual for o método que usarem para te ensinar o mesmo dará certo se seguir a esses princípios:

1º Ter como foco principal o “Listening” (Ouvir pelo menos 2 x mais do que falar). Lembre-se que o que sai é determinado pelo que entra.

2º Imersão completa (O curso pode até ter como base a tradução porém logo o mesmo deverá fazer os alunos independentes de sua língua nativa)

3º Absorção cultural (Os alunos deverão entender a relação da língua com a cultura)

 

Que tal receber um aviso quando sair algo novo e interessante no blog?

Cadastre seu email e receba artigos que vão abençoar seu dia!