E se houver uma maneira de você vencer a inconstância?

reiniciando-caminhadaTexto Bíblico: Que te farei, ó Efraim? Que te farei, ó Judá? Porque a vossa benignidade é como a nuvem da manhã e como o orvalho da madrugada, que cedo passa. Oséias 6:4

Ilustração, Reflexão ou Aplicação Prática:

Inconstância. Efemeridade.

Quão decepcionante é confiar em alguém, em sua palavra e, logo a seguir, geralmente quando você mais precisa, descobre que aquela promessa era vazia ou que a pessoa não tinha compromisso com o que prometia.

Acredito que praticamente todos nós já passamos por isso pelo menos alguma vez na vida.

E quando aconteceu com você, como você se sentiu? Traído? Decepcionado? Desiludido? Abatido? Indignado e revoltado?

Deixe-me dizer algo: eu já traí a confiança de algumas pessoas, decepcionei muitas outras, e me envergonho disso profundamente.

Mas quando eu me lembro que já decepcionei, digamos assim, a Deus, isso me causa ainda mais vergonha e constrangimento. Quantas vezes eu prometi coisas ao Senhor, seja que faria algo e não fiz, ou que não faria outra coisa, e o fiz, repetidas e reiteradas vezes.

Eu, durante muito tempo de minha vida fui volúvel e inconstante, e foi muito difícil mudar isso e me tornar constante e perseverante em meus compromissos e atitudes.

Mas, para que essa mudança fosse possível, eu precisei passar por algumas situações que me confrontaram e, não raras vezes, me marcaram tal como se marca uma rês com ferro em brasa.

As marcas foram emocionais, claro, mas ainda hoje me lembro de como doeram e me obrigaram a repensar meu modo de viver e agir.

O que Deus me fez para me curar de minha inconstância e de ser alguém volúvel?

Algumas vezes Ele deixou que eu colhesse os frutos das ações que eu estava plantando. Em outras, Ele mesmo interveio e agiu para que meus planos saíssem errado e eu sofresse decepções e prejuízos.

Claro, não posso colocar todos os meus fracassos nessa conta, mas sei e vejo claramente que uma boa parte deles ocorreu em função da disciplina de Deus sobre mim.

E hoje, olhando para trás, para quem eu era e para quem eu me tornei, eu sou muito grato ao Senhor pelo processo de amadurecimento e fortalecimento de meu caráter.

E você, também está passando por decepções e frustrações? Será que não é a mão de Deus disciplinando você para moldá-lo conforme Sua vontade e querer? Pense nisso.

Oração de: gratidão

Senhor amado e santo, eu quero te agradecer por tudo o que tens feito: em mim, por mim e, finalmente, através de mim.

Mas as duas últimas só foram possíveis após eu ter sido profundamente impactado pelo que o Senhor fez em mim. E é no nome de Jesus que eu oro agradecido. Amém.

Este post faz parte de uma série de devocionais exclusivos do Blog Desafiando Limites! Você está incentivado a divulgar esse devocional para todos os seus conhecidos e abençoar a vida deles.

Avalie, compartilhe ou comente dizendo o que achou ou deixe sua crítica/sugestão.

 

Que tal receber um aviso quando sair algo novo e interessante no blog?

Cadastre seu email e receba artigos que vão abençoar seu dia!

Wallace

Just another little servant of the Lord Jesus Christ. Apenas mais um pequeno servo do Senhor Jesus Cristo. Editor do blog Desafiando Limites (http://wallysou.com). Crítico do cristianismo evangélico da prosperidade e pensador cristão amador.

Website: http://wallysou.com/

Faça seu comentário e enriqueça o post!

1 Comentário

  1. Elisangela

    Obrigada!

Olá, agradecemos sua visita e seu comentário. Sua opinião enriquece a discussão e é importante para nós, obrigado!