uma oração que produz resultado

Quando eu morei em Cuiabá, uma cidade muito (muito) quente, que eu relatei um pouco da experiência de se plantar e regar, aconteceu algo interessante que somente ontem, em uma reunião de oração, me lembrei: como Deus respondeu uma oração minha.

Nessa época, 2004, eu trabalhei numa loja de roupas de uns irmãos da igreja na qual congregava, a Assembleia de Deus no Jardim Paulista. Essa loja trabalhava com roupas de “linha”, que eram confeccionadas como se fossem de crochê, tricot, etc. Não se apoquente, eu também não sabia o que era, antes de trabalhar lá. Como Cuiabá era muito quente, essas roupas só vendiam mais na época mais fresca (amena) do ano.

A loja estava com um estoque razoável de roupas de “inverno”, que precisavam ser vendidas para que fossem feitos novos pedidos. Foi justamente nesse período que comecei a trabalhar lá, e fiquei até quase o fim do ano, quando me casei e reiniciei meus estudos para concursos. Então, em uma tarde de fins de abril para começo de maio, nos reunimos e fomos fazer uma oração. Os proprietários da loja me disseram que precisavam vender o estoque antigo para fazer caixa ($$) e renovar as coleções, e pediram que eu orasse por isso, pela venda do estoque de inverno.

Eu, recém chegado do interior havia uns 6 meses, um completo caipira cheio de boas intenções e sem saber direito como as coisas funcionavam, que o “inverno” de Cuiabá durava uns 3 a 4 dias, geralmente, com temperaturas amenas (em torno de 22º), fiz uma oração bem estapafúrdia, sem saber direito o que eu estava pedindo. Foi mais ou menos assim:

“Senhor, a loja precisa vender esse estoque de roupas de frio, e aqui é muito quente. Jesus, mande um frio em Cuiabá, um frio que dure mais do que uma semana e que as pessoas venham comprar esse estoque para que a loja renove sua coleção. Senhor, eu sei que o que estou pedindo pode parecer difícil, mas o Senhor é poderoso para fazer tudo muito mais além daquilo que pedimos ou pensamos. No nome de Jesus te agradecemos”.

Bem, em resposta à minha oração não sei se foi por causa da minha oração, mas algumas semanas depois, veio uma frente fria que literalmente baixou na cidade e ficou estacionada por uns 15 a 20 dias e que ficou na história. Numa quarta-feira, foi até manchete no jornal local que o termômetro do centro da cidade havia marcado 45º(!). Eu mesmo vi essa foto e fiquei impressionado, mas se você duvida, então vou lhe dar uma palhinha… risos

 

sentiram o drama? clique que amplia

Mas, no domingo seguinte, apenas 4 dias depois, a temperatura caiu drasticamente. Eu passei em frente a um shopping no fim da tarde, de volta de uma viagem recreativa com os adolescentes da igreja. Havíamos ido para uma chácara no Coxipó do Ouro (pense num banho gelado), e  o termômetro estava lá, bem na minha frente: 11º. Não, você não leu errado, estava 11 (onze) graus.

Aquele mês de maio foi o mês em que mais se vendeu roupa (de frio) naquela loja, quase o triplo da média mensal normal. E foi o mês em que eu mais trabalhei na vida… quase tive uma estafa de trabalho. Eu sei o que você está pensando: não, não tive aumento $$ por conta disso, só o aumento de trabalho mesmo (risos).

Quem sabe você esteja precisando de um milagre. E se você colocar sua fé em prática? Afinal, Deus continua o mesmo de Elias, da chuva após a seca, e da multiplicação da farinha e do azeite. Até combustível Deus multiplica no tanque

Desafie os limites de sua fé. Ore e veja o milagre acontecer.

E você, caro leitor, tem algum milagre que Deus fez em sua vida que gostaria de deixar registrado aqui?

 

Que tal receber um aviso quando sair algo novo e interessante no blog?

Cadastre seu email e receba artigos que vão abençoar seu dia!