happy-life-feelings

Conselhos práticos para uma vida mais feliz

Muita gente acha que, para ser feliz, deve possuir muita coisa. Ou, se não possuir muitas, que possua as melhores e mais importantes. Todavia, nenhuma nem outra coisa garantem que você será feliz. O que, então, garante ou, pelo menos, nos dá um norte de que é possível encontrar a felicidade e relacionar-se com ela de modo constante e frequente?

As respostas podem ser muitas, mas vou me arriscar a oferecer uma para você. Uma bem simples, mas que pode fazer seus dias melhores. Talvez, quem sabe, faça você melhor a cada dia. Comigo foi assim, e espero que possa acontecer com você também.

Ah, sim: quando eu estava para escrever este post e minha esposa viu o título, perguntou: quais são os conselhos práticos para ser mais feliz? Eu respondi: não vou responder agora, para não perder a graça, ou seja, para não atrapalhar a surpresa. Daí ela respondeu assim: então depois eu vou ler esse artigo para saber se minha vida vai ser mais feliz! Vixe… me quebrou! Agora a coisa ficou séria… risos

Bem, não sei se ela vai ler, mas vai que ela decide ler? Abre parêntesis: isso é que é um blogueiro famoso e competente né? Nem a esposa dele lê as bobagens que ele escreve! Talvez porque ela conheça a pessoa por trás do teclado… Mas, serviu para uma coisa: agora eu preciso escrever algo relevante a quem for ler.

Não sei, sinceramente, se conseguirei, mas tentarei com todas as forças, para que você não tenha perdido seu tempo vindo até aqui, ok?

Inspiração do post

Ora, tudo o que você faz tem uma motivação por trás. No meu caso, geralmente chamo de inspiração quando se trata de escrever. Se eu fosse um escritor de verdade, com livros publicados e nome conhecido, e não esse blogueiro com síndrome (ou complexo?) de escritor, poderia até ousar dizer que foi um insigth (que chic seria né?). Mas, vou me recolher a minha insignificância literária e procurar escrever um texto que possa ser útil, mesmo sem ter grife ou pedigree alfabético.

A inspiração de escrever um texto com dicas práticas para uma vida mais feliz veio de uma estória (ou história? sinceramente, não sei) que recebi via email. Falava de um marido e de sua esposa, de como ela comprava várias coisas, muitas delas caras, e guardava para “ocasiões especiais”.

O texto, recebido há bastante tempo (mas já neste século… risos), possui muitas variações, e após pesquisar um pouco na internet, achei este aqui:

APROVEITE CADA MOMENTO

Um amigo meu abriu a gaveta da cômoda de sua esposa e pegou um pequeno pacote embrulhado com papel de seda:

“Isto – disse – não é um simples pacote.” Tirou o papel que o envolvia e observou a bonita seda e a caixa. “Ela comprou isto na primeira vez que fomos a Nova York, há uns 8 ou 9 anos. Nunca o usou. Estava guardando-o para uma ocasião especial. Bem, creio que esta é a ocasião.”

Aproximou-se da cama e colocou a prenda junto com as outras roupas que ia levar para a funerária. Sua esposa tinha acabado de morrer. Virando-se para mim, disse:

“Não guarde nada para uma ocasião especial. Cada dia que se vive é uma ocasião especial”.

Fonte: blog O significado da felicidade.

Essa foi a inspiração primária. Inclusive, em um encontro de casais no qual participei, o preletor fez menção dessa estória e nos disse que ele mesmo aplicava isso em sua vida conjugal, e era algo que tornava o relacionamento melhor a cada dia. Desde então, é o que tento fazer também. Os resultados ainda são um pouco tímidos, mas confesso que o erro está mais em mim do que na dica… mas, pior seria se eu não a estivesse usando!

Sendo cristão, como eu sou, a Bíblia é minha inspiração entranhável, sempre. Logo, observo que essa dica encontra respaldo no texto milenar, onde seja:

Descobri que não há nada melhor para o homem do que ser feliz e praticar o bem enquanto vive. Eclesiastes 3:12

Por isso concluí que não há nada melhor para o homem do que desfrutar do seu trabalho, porque esta é a sua recompensa. Pois, quem poderá fazê-lo ver o que acontecerá depois de morto? Eclesiastes 3:22

Fonte: Bíblia Online

Dito isso, vamos analisar as atitudes daquela esposa, que guardava as melhores coisas para “um dia especial” e ver se era o correto a se feito. Observe bem, pois pode ser que você também esteja guardando coisas para “aquele dia especial” que nunca chega, e acaba frustrando sua vida a cada dia que passa.

Sua vida não precisa ficar em stand-by

Talvez você também seja daquelas pessoas que compram coisas e ficam guardando para quando, um dia, surgir aquele momento especial. Se não é, como eu não sou mais, parabéns. Mas, certamente você deve conhecer alguém que age assim.

Essas pessoas compram coisas caras, como talheres, perfumes, roupas, objetos de decoração e até automóveis (!), esperando a ocasião certa para tirar aquele objeto do embrulho e estreá-lo com pompas e estardalhaço. Pura bobagem, maior perda de tempo isso. Essas pessoas deixam a vida em stand-by e veem muitas boas oportunidades de aproveitar um momento único serem desperdiçadas, enquanto a vida continua.

Ora, algo que você deve ter em mente é: a vida passa, a banda toca e você acaba perdendo o bonde da história enquanto fica na calçada chupando o dedo. A vida é muito mais do que isso! A vida, como dizem por aí, é difícil, mas vale a pena viver. A sua vida será melhor à medida em que você trabalhar para fazê-la melhor e aproveitar os momentos ímpares que ela lhe proporcionar.  Aquele velho deitado, digo ditado (ah, você entendeu… risos) é totalmente verdadeiro:

doce-cana-rapadura

Ok, agora que você já sabe que vale a pena viver, o que fazer para tornar a vida mais prazerosa? Boa pergunta, Watson. A resposta é simples. Agora, colocar em prática é que são elas, mas isso não vai deixar você intimidado, não é verdade?

Para ser feliz, basta…

1. Deixar de fazer aquilo que espanta a felicidade

Muitas pessoas não são felizes por motivos simples, tais como: medo de ser feliz e receio de aproveitar as oportunidades. Claro, isso não explica a infelicidade de todas as pessoas e nem é a solução para todos os casos. Mas, talvez seja o seu e mudando isso em sua vida, ela pode melhorar bastante. Mas, como fazer essa mágica de para de ter medo de ser feliz? Simples: é só querer ser feliz. Isso mesmo: em muitas coisas na vida, querer é poder.

Se você quiser ser feliz DE VERDADE, você vai agir de modo a conquistar isso. Você quer ser feliz? Mas, quer MESMO ser feliz? Então pare de se sabotar e comece a agir de acordo com seu novo querer. Para começar, pare de empurrar as situações com a barriga, protelando coisas que vão sobrecarregando sua vida até soterrá-lo de preocupações e ansiedade. Qual o remédio para isso? Ao invés de deixar os outros escolherem por você, comece você mesmo a fazer suas próprias escolhas.

Uma coisa que você talvez nem desconfie, mas saiba que existem estudos científicos que apontam nessa direção: ser INFIEL (no relacionamento) atrai INFELICIDADE. Vi isso no século passado, na edição dominical da Tribuna do Norte, no caderno de variedades. Infelizmente, nunca mais achei nada dessa pesquisa que foi realizada por psicólogos na Inglaterra, se não me falha a memória. (Observação: Este estudo aqui não é a mesma coisa, mas já dá uma noção.)

Eles ficaram desconcertados porque partiram da premissa que as pessoas eram INFIÉIS por serem INFELIZES, mas descobriram que os que eram INFIÉIS é que eram INFELIZES. Os FIÉIS, pelo contrario, eram mais FELIZES.

Resumindo: Trair atrai INFELICIDADE. Logo, o contrário, ou seja, ser FIEL vai atrair: _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ (precisa de alguma dica?). E aí, entendeu, ou quer que eu desenhe? Ok, mas só desta vez hein!

happy-marriage-couple

2. Começar a fazer aquilo que atrai a felicidade

Aquela esposa de nossa estória tinha um grave defeito: ela postergava os momentos felizes para depois. Observe: ela comprava uma camisola e deixava guardada para uma “ocasião especial”. Uma ocasião que nunca vinha, um momento que nunca chegava, uma situação que nunca acontecia. O que isso significava, na prática? Que, na vida dela, os bons momentos, aqueles momentos especiais, nunca ocorriam.

Não é que NUNCA ocorriam, mas era isso que ela dizia a si mesma, porque nunca tirava os presentes dos embrulhos para fazer uso deles. Inconscientemente, ela dizia a si mesma que os bons momentos AINDA não haviam chegado, embora esperasse que esses momentos, um dia, chegariam. Existe um provérbio que diz mais ou menos assim: “a esperança adiada adoece o coração, mas o desejo que se cumpre é fonte de vida”. Só quem já teve esperanças frustradas sabe como isso é verdadeiro.

Talvez ela estivesse querendo acertar, quem sabe. Mas, estava errando ao deixar as pequenas oportunidades passarem em branco. Talvez esse seja seu caso, também. E como mudar isso? Encare as situações de modo diferente: aproveite os momentos. Se para aquela esposa não existiam momentos especiais, e isso foi matando-a aos poucos, você vai fazer diferente: torne seus momentos especiais, faça das pequenas coisas algo prazeroso e que lhe traga satisfação. Como?

Comece aproveitando pequenos momentos de prazer, tais como: comer um chocolate sem culpa (dica: prefira os amargos, pois são mais saudáveis; com o tempo você se acostuma… risos). Faça um passeio sem destino ou tempo estipulado, experimente mudar a rotina diária ou simplesmente dormir e acordar mais cedo um dia qualquer. Isso pode não mudar muita coisa, mas vai diminuir o estresse e a ansiedade, grandes combustíveis que alimentam a infelicidade.

Ah, uma dica poderosa: Experimente ser FIEL.

3. Agir com espontaneidade e simplicidade

Minha esposa, se ler isso, vai ter um ataque… risos

ATUALIZAÇÃO: ela leu, e a cara que fez… hum, se o blog não for mais atualizado, já sabem o que houve. Foi bom conhecer vocês, mando um abraço pro meu pai, pra minha mãe, pros meus irmãos… risos

Certo dia, fomos a um casamento muito chique e lá estavam servindo um coquetel delicioso (sem álcool) de frutas. Tinha de acerola, goiaba, pêssego, morango, vários sabores. Eu já tinha emborcado tomado uma 1/2 dúzia deles, quase um ébrio (risos). A partir desse ponto, minha esposa bateu o martelo: não vai pedir mais pro garçon. E minha sogra nos acompanhando, não disse nada, ficou só olhando e rindo.

Daí, quando o garçon passava perto, eu lançava um olhar 43 pra ele, mais ou menos parecido com este daqui:

puss-in-boots-asking

Bom, não sei porque, mas o garçon passava e deixava 3 tacinhas: uma pra mim, uma pra esposa e outra pra sogra. Como elas não estavam mais bebendo, pra não desperdiçar a bênção, eu bebia a minha e as delas. Foi assim mais umas 2 ou 3 rodadas, até que resolvi parar. Afinal, ainda tinha o jantar né… #não leve a sério

Minha sogra quase passou mal. Não, de beber coquetel não, de rir de mim! Minha esposa não ria, mas tava com uma cara… ah, por que será né? #maldade

Outra coisa que gosto de fazer para transformar ocasiões simples em momentos únicos: eu ajo com simplicidade. Como assim, Bial? Simples. Aliás, agir com simplicidade é muito simples, se é que você me entende… risos

Por exemplo: lá em casa tem um jogo de pratos caros, com lindas pinturas. Quase todo dia, eu pego um desses, juntamente com o melhor talher da Tramontina disponível e… sabe o que eu faço? Amasso banana pra comer com farinha láctea!

:-P

É assim mesmo: não tem nada de especial acontecendo? Então eu faço algo especialmente simples e curtooooooooooooo muito! risos

Às vezes, pego aquele perfume caro e coloco ele depois do banho só pra ficar em casa, e nada mais. I make my day better (eu faço meu dia melhor). É nas coisas simples da vida que aprendemos a valorizar as grandes. É se alegrando com o pouco que aprendemos a agradecer pelo muito.

#experimente

Conclusão

Sua vida pode ser muito melhor do que você pensa, se você se contentar com pouca coisa. Saiba ser grato pelo beijo, carinho, abraço. Saiba agradecer tanto pela flor do canteiro como pelo buquê careiro. Quer ser feliz? Poucas dicas são tão úteis e práticas quanto esta:

“Contente-se com o pouco e aprenda a rir de si mesmo”

Gostou? Avalie. Foi abençoado? Esparrame a bênção.

Desafiando limites!

 

Que tal receber um aviso quando sair algo novo e interessante no blog?

Cadastre seu email e receba artigos que vão abençoar seu dia!