O sofrimento conduz ao aperfeiçoamento

porque sofremos?

E o Deus de toda a graça, que em Cristo Jesus nos chamou à sua eterna glória, depois de havemos padecido um pouco, ele mesmo vos aperfeiçoe, confirme, fortifique e estabeleça. 1 Pedro 5:10

Primeiro o Sofrimento

“Por que temos que sofrer?” “Se Deus realmente nos ama, por que todas as coisas ruins acontecem conosco?”

Eu escuto perguntas como essas frequentemente. Por anos pessoas têm lutado com essas perguntas e ainda não encontraram respostas. Eu nem sequer tento respondê-las. Eu faço um comentário, no entanto:

“Se Deus só nos abençoa depois que nos tornamos crentes — se Ele tira todo o sofrimento, dificuldade e tumulto dos Cristãos — não seria essa uma forma de subornar as pessoas para a fé?”

Essa não é a maneira como Deus trabalha. O Senhor quer que venhamos a Ele por amor e porque sabemos que somos necessitados — tão necessitados que só Ele pode preencher esses vazios em nós.

A realidade é que desde o nascimento até o momento em que vamos para o lar celestial para estarmos com Jesus, nós iremos sofrer algumas vezes. Alguns têm missões mais duras que outros, mas o sofrimento continua sendo sofrimento.

Eu também penso que quando as pessoas nos veem buscando ajuda em Deus para as nossas dificuldades e depois veem as nossas vitórias, isso é um testemunho para elas.

Esse testemunho pode, por vezes, não levá-las a Cristo, mas mostra a presença de Deus em nossas vidas e as tornam conscientes do que elas estão perdendo.

Outro dia eu tive um novo pensamento: Sofrimento resulta em ação de graças. Quando nossas vidas se tornam caóticas e não sabemos o que fazer, buscamos ajuda em Deus, e Ele responde as nossas orações e nos liberta.

Deus fala conosco e nos conforta. E o resultado é que ficamos agradecidos.

O momento entre sofrimento e ação de graças é quando o inimigo realmente ataca nossos pensamentos. Ele pode começar a dizer, “Se Deus realmente amasse você. você não precisaria passar por isso”.

A verdade é: nós teremos problemas se formos crentes; nós teremos problemas se formos descrentes. Mas, como crentes, nós também teremos vitórias. Como crentes em Jesus Cristo, nós podemos ter paz em meio às tempestades.

Podemos desfrutar de nossas vidas em meio às dificuldades, porque nós cremos que Deus está trabalhando em nosso favor para nos trazer libertação.

Ore: Meu Mestre e meu Deus, me perdoe por esperar sempre uma vida fácil. Eu admito que não quero sofrimentos e eu não gosto quando as coisas não vão bem.

Mas eu peço a Tua ajuda para que eu tenha uma atitude positiva e para que eu confie em Ti para tornar o ruim em benção. Eu oro em nome de Jesus Cristo. Amém.

Extraído do livro Devocional Campo de Batalha da Mente de Joyce Meyer. Direitos autorais © 2005 de Joyce Meyer. Publicado por FaithWords. Todos os direitos reservados.

Este post é uma adaptação de um plano devocional chamado Campo de Batalha da Mente, do site Bible.com que dispõe de versões gratuitas de aplicativos para todos os sistemas móveis.

Gostou do post? Avalie, deixe sua opinião e compartilhe com seus amigos e colegas. Este blog existe e cresce por causa de nossos leitores, de pessoas como você. Obrigado!

 

Que tal receber um aviso quando sair algo novo e interessante no blog?

Cadastre seu email e receba artigos que vão abençoar seu dia!

Wallace

Just another little servant of the Lord Jesus Christ. Apenas mais um pequeno servo do Senhor Jesus Cristo. Editor do blog Desafiando Limites (http://wallysou.com). Crítico do cristianismo evangélico da prosperidade e pensador cristão amador.

Website: http://wallysou.com/

Faça seu comentário e enriqueça o post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *